terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Retrospectiva

Apesar de um tanto atrasada, essa análise merecia ser escrita, então, já que ela está dentro de mim há um bom tempo, resolvi parí-la, porque isso aqui também é um diário e eu quero voltar a reencontrar esses sentimentos que hoje tenho daqui a algum tempo. Eu sei que quem me conhece ou acompanha o blog também já deve ter tirado suas próprias conclusões. Em resumo: 2011 foi um dos piores anos da minha vida, aliás, amplio de julho/2010 até o último dia de 2011. Cagado-até-o-fim. Mas, de certa forma, foi importante, uma desconstrução, assim como se prepara o solo prum novo cultivo destruindo toda a plantação anterior.

E o ano passado me trouxe muitas coisas maravilhosamente incríveis. Muito aprendizado, luta, conquistas, viagens, congressos, encontros, novas amizades, descobertas que impactaram a minha vida, mudanças nos meus hábitos alimentares e físicos, que eu precisava (e adiava) há tempos e um amor novinho em folha pra amolecer meu coração.

É verdade que tenho me afastado um pouco daqui, não por vontade própria, mas por excesso de vida. É tanta responsabilidade, muitas coisas pra fazer, aprender, ver, ler. Não dizem que blogueiro feliz não escreve? Acho que tô comprovando um pouco disso. Mas não me vejo longe daqui de vez, penso sempre em voltar, porque sei que tenho ainda muitas coisas a dizer por aqui. Talvez não tão regularmente, mas sempre registrando o que for mais importante.

A sensação de ser capaz é maravilhosa. A de se superar, então, fantástica. O fato de perceber o quanto evoluí (e evoluo um pouco mais todos os dias), na prática, é uma felicidade sem tamanho. Sei que há muitas pessoas incríveis na minha vida, que torcem por mim, pelo meu sucesso. Não ligo pro resto, sempre haverão invejosos e maliciosos, que se escondem à sombra daqueles que admiram.


É um ano novo e cheio de oportunidades, planos e expectativas, mas meu coração tá leve, feliz, em paz. Meu sorriso não sai do rosto e a alegria transparece nos olhos. O que mais quero é viver intensamente cada momento e levar comigo só o que for bom e fizer o bem.

3 comentários:

Lulu disse...

Ju, toda felicidade do mundo pra vc.
Big Beijos

Anônimo disse...

que coisa maravilhosa ver vc tão feliz e cada dia mais linda. beijos

Bel disse...

Tá certa, Ju! Blogueiro feliz não escreve. Sei disso! ;)

Beijoooo